Petição "Loriga a concelho"

Esta petição serve uníca e exclusivamente para alertar todos os Loriguenses e amigos sobre o sistemático abandono que Seia tem presenteado Loriga e toda a região circundante, aos longo dos tempos, contribuindo assim para a falta de recursos humanos, sociais, culturais, desportivos e lazer. Assine e divulgue. http://www.peticao.com.pt/loriga

quinta-feira, 31 de maio de 2007

Praia Fluvial de Loriga





Começa hoje a época balnear, mas para que não haja surpresas desagradáveis deixo aqui alguns conselhos em especial para as crianças retirados de outros blogs, aproveita também a oportunidade de convidar-vos a uma visita à Praia Fluvial de Loriga.





Não deve:
1- Levar para a praia, mesmo que o seu filho insista, o seu animal de estimação. Para além de ser pouco higiénico, incomoda os restantes banhistas, por isso deixe-o em casa.





2- Deixar as crianças sacudirem a toalha, as roupas, o chapéu-de-sol e afins para cima do vizinho do lado. Se tem mesmo de sacudi-los, faça-o numa zona onde não exista muita gente.





3 - Pôr perfume nos mais novos e depois ir para a praia. Muitos perfumes contêm substâncias que reagem com o Sol, provocando alergias ou inestéticas manchas na pele. Assim, todo o cuidado é pouco





.4 - Expor-se ao Sol sem um bom protector. O cancro de pele afecta cada vez mais os portugueses e, muitas vezes, na sua origem estão as queimaduras solares.





5 - Deixar tomar banho em zonas que não conhece ou não sejam vigiadas, pois por vezes estas escondem grandes perigos.





6 - Dar-lhes de comer e depois deixá-las ir para dentro de água, pois podem sofrer uma paragem da digestão.





7 - Permitir que entrem na água de repente após uma prolongada exposição ao Sol, uma vez que a diferença de temperatura pode provocar um choque térmico.





8 - Deixar as crianças a brincarem próximas da água sem serem vigiadas de perto. Lembre-se de que um minuto de distracção pode ter consequências terríveis.





9 - Levar os seus filhos à praia sem que estes estejam protegidos do Sol com um protector de índice elevado (de preferência ecrã total), um chapéu e uma camisola (no caso das crianças mais pequenas).





10 - Ir à praia no período compreendido entre as 11 da manhã e as 4 da tarde, altura em que o ângulo de incidência da luz solar é tão forte que se torna altamente prejudicial para a pele do ser humano.





11 - Estar um dia inteiro na praia. Mesmo debaixo do guarda-sol, do toldo ou da barraca, o Sol queima. Vá para a praia de manhã cedo e, por volta das 11 horas, pegue nas coisas e vá almoçar. Aproveite a tarde para passear um pouco ou para descansar e volte para a praia a partir das 5 horas.





12 - Levar comidas que se estraguem com facilidade, como por exemplo fiambre, maionese, ovos, queijo fresco. Uma intoxicação alimentar não só lhe estragaria as férias como poderia revelar-se muito perigosa.





13 - Desrespeitar as bandeiras ou as indicações dos nadadores-salvadores(se houver). Eles estão ali para o protegerem a si e aos seus. Explique aos seus filhos o significado de cada uma das bandeiras.

















3 comentários:

ljma disse...

Apetitoso! Mais um programa para uma tarde com os miúdos. Bem haja!

João Carreira disse...

Caro Amigo,

Como sempre excelentes fotografias a acompanhar uma excelente paisagem.

Votos de um Excelente Fim-de-Semana.

João

drmendes disse...

Bom fim de semana cascalheira e porta-te bem!!! Abraco